5 sinais de que você pode ter pré-diabetes

Não ignore seu corpo!

O diabetes não aparece na vida de uma pessoa do dia para a noite. A não ser que você já nasça diabético, essa doença se desenvolve de forma lenta e gradativa – tendo, inclusive, uma fase inicial nomeada como pré-diabetes. Infelizmente, muitos demoram para descobrir o quadro, ou descobrem quando já não é mais possível prevenir, e precisam se adaptar ao novo estilo de vida.

Muitas vezes, isso acontece pela falta de atenção que temos com o nosso próprio organismo. Porque, mesmo sendo um quadro aparentemente inofensivo no começo, o ideal é não deixar o tempo passar. Afinal, o pré-diabetes pode evoluir e tornar-se muito mais grave.

E não se engane! É possível perceber alguns sintomas característicos da fase inicial da doença. O importante é não ignorá-los. Abaixo, você encontra cinco sintomas do estágio chamado pré-diabetes. Caso você tenha um ou alguns deles, procure um médico, conte o que está acontecendo e solicite um check-up completo.

Seu corpo em alerta!

1 – Fome em excesso e vontade de consumir carboidratos

Um dos sinais de pré-diabetes é o excesso de açúcar no sangue. O açúcar é um carboidrato simples, que faz com que você sinta fome muitas vezes por dia, mas é uma fome direcionada: pães, batata frita, doces, sucos com açúcar e por aí vai. Seu organismo, comandado por seu cérebro, entra em um ciclo vicioso de querer cada vez mais açúcar.

2 – Excesso de peso

A obesidade está diretamente ligada a diversas doenças, inclusive o diabetes. O excesso de peso, principalmente se for concentrado na região do abdômen, é um forte indicativo de diabetes ou pré-diabetes.

3 – Problemas com o sono

Alguns problemas na hora de dormir também se relacionam com o diabetes, como a apneia do sono ou acordar diversas vezes durante a noite para urinar (que pode ser causado pelo excesso de açúcar no sangue).

4 – Pressão alta

Quem disse que pressão alta se relaciona apenas com o coração? Outras doenças podem ter como sintoma a pressão alta – caso do diabetes.

5 – Estresse, tontura ou excesso de cansaço

O corpo está em um círculo vicioso e pede por mais açúcar sempre que os níveis baixam. Caso o organismo não receba açúcar, ele começa a “entrar em pane” porque as células ficam confusas, pois acreditarem que realmente precisam daquilo. Isso gera picos de fadiga, como se o seu corpo pedisse açúcar para voltar a ter energia.

É sempre bom lembrar que o estágio de pré-diabetes (diferente do diabetes) é reversível. Não tem segredo: a mudança de hábitos alimentares e estilo de vida é a principal fórmula de sucesso. Exercícios físicos regulares e um cardápio balanceado no dia a dia são a chave para o sucesso – não só para se livrar do diabetes, como também para ser alguém mais saudável como um todo. Qualidade de vida é tudo!

© Copyright – 2015 Clube do Diabetes. Todos os direitos reservados.

Desenvolvimento: mufasa