15 dicas para viver bem com diabetes

Qualidade de vida, sim, senhor!

Quem disse que o diagnóstico do diabetes é sinônimo de dias melancólicos e sem graça? É possível viver bem (e viver feliz!) como qualquer outra pessoa, basta ter alguns cuidados especiais. Abaixo, separamos 15 dicas que vão te ajudar a tornar o seu dia a dia muito melhor!

1 – Dieta individualizada

Seguir um plano alimentar feito exclusivamente para você é uma das chaves para o sucesso do controle do diabetes. É muito importante não furar o plano alimentar. Lembre-se de que comer o que se deve no dia a dia permite algumas saídas da dieta de vez em quando.

2 – Contagem de carboidratos

Falando em sair da dieta, uma forma de saber se você pode ou não comer alguma coisa é fazer a contagem de carboidratos. Isso vai te ajudar (e muito!) a controlar melhor o funcionamento do seu organismo.

Aliás, nunca se esqueça de que há uma diferença gritante entre os carboidratos simples, provenientes da farinha branca, dos carboidratos integrais, que são mais saudáveis e mais indicados – opte por preparações com grãos, farelos e farinhas integrais.

3 – Leia os rótulos

Ler o rótulo dos produtos deveria fazer parte da rotina de todas as pessoas – independentemente do quadro clínico de cada uma delas. Ler os rótulos dos alimentos é importante para saber o quanto você está consumindo de cada propriedade. No caso dos diabéticos, é importante ficar de olho na gordura, no sódio, no carboidrato e, claro, nos açúcares.

4 – Controle glicêmico diário

Glicemia estabilizada é sinônimo de tranquilidade. Oscilações pequenas devem ser monitoradas e revertidas com ações simples. Já variações maiores devem ser informadas ao médico. Mas, importante lembrar: nada de desespero! O controle diário serve, justamente, para evitar que quadros graves aconteçam.

5 – Exercícios físicos regularmente

Exercícios físicos regulares são imprescindíveis para a saúde do organismo e para o bem-estar como um todo. O importante é manter a prática de atividades físicas na rotina, sempre com o acompanhamento de um profissional capacitado e acostumado a atender pessoas diabéticas. E faça sempre um acompanhamento de perto de sua glicemia durante o exercício!

6 – Pare de fumar JÁ!

O tabaco, definitivamente, é inimigo da saúde – principalmente de quem possui diabetes. Então, se você fuma, chegou a hora de acabar de vez com esse vício.

7 – Bebidas alcoólicas

Bebidas alcoólicas podem atrapalhar a viabilidade do seu tratamento, principalmente no que se refere ao funcionamento correto dos remédios e, principalmente, na contagem calórica e qualidade nutricional da sua dieta. Vale dizer que o álcool pode interferir diretamente na sua glicose… Caso resolva beber, controle a quantidade e sempre consuma alternando com água e comendo algo junto, nunca de estômago vazio.

8 – Como vão os dentes?

O excesso de açúcar no sangue pode prejudicar seus dentes, seus dentes e a sua saúde bucal como um todo. Então, faça visitas periódicas ao dentista!

9 – Pés saudáveis

É muito importante analisar seus pés sempre. Porque o diabetes pode causar problemas circulatórios e infecciosos nas extremidades do corpo, principalmente nos pés.

10 – Exames de vista

O diabetes também pode afetar sua vista – se não for averiguado regularmente, pode inclusive levar à cegueira completa. Visitas ao oftalmologista também são sempre necessárias.

11 – Seu médico é seu melhor amigo

Para o seu tratamento ser efetivo, todo detalhe conta. Então, em suas consultas, não deixe nenhum detalhe passar em branco e conte tudo ao seu médico – até mesmo aquelas informações que você julga não serem importantes.

12 – Hidrate-se!

Muita água sempre! Essa é a melhor forma de eliminar as toxinas do corpo, diminuir o inchaço e reduzir os efeitos do sódio no organismo. Desidratação pode contribuir para o aumento da glicemia, e vice-versa.

13 – Positivismo

Deixe a raiva, o medo e angústias de lado. Atitudes positivas (e pensamentos positivos!) são fundamentais para você conseguir se manter saudável e, é claro, feliz! Sua vida não acabou por causa do diagnóstico de diabetes. Muito pelo contrário! Agora, você tem a oportunidade de ser alguém que cuida muito mais de si próprio.

14 – Ligth x dight

Aprenda assim que possível a diferenciar alimentos diets dos lights.

Diet é tudo aquilo que foi feito destinado a pessoas com restrições alimentares, como os diabéticos, por exemplo! Mas, fique atento: um alimento ou uma bebida diet teve algum ingrediente eliminado (o açúcar, o sódio ou qualquer outra coisa). Então, verifique sempre a lista de ingredientes.

15 – Terapias multidisciplinares

Seu tratamento não é restrito ao nutricionista e ao endocrinologista. Ter o apoio de uma equipe multidisciplinar é ótimo. Porque os médicos vão manter seu corpo saudável. Os demais profissionais vão cuidar da sua mente, do seu estado de espírito, da sua vitalidade e disposição! Leia mais sobre o assunto clicando aqui (linkar matéria sobre saúde mental).

© Copyright – 2015 Clube do Diabetes. Todos os direitos reservados.

Desenvolvimento: mufasa