Você sabe o que é Xerostomia?

Condição afeta principalmente pacientes diabéticos

O que é xerostomia? Clube do Diabetes

Xerostomia é um nome bem complicado e difícil de decorar. Mas, a condição que ela nomeia é simples. Aos diabéticos, xerostomia significa nada mais (nem nada menos) do que ficar com a boca seca. Isso acontece, na maioria das vezes, por conta dos medicamentos e também do alto nível de glicose no sangue do paciente.

O grande motivo dessa patologia é a falta de produção de saliva, líquido muito importante para a boa digestão das refeições, além de auxiliar na neutralização de bactérias que causam cáries, gengivite e outros problemas.

Em geral, a pessoa com xerostomia produz apenas 1.5 L de saliva por dia. Mas, outros aspectos podem agravar essa situação como a falta de água no organismo, consumo de cigarro e respiração por meio da boca.

Sintomas

Pessoas com essa condição apresentam dificuldade para engolir os alimentos, lábios secos e rachados, machucados na língua como aftas, além do aumento significativo de placa bacteriana e mau hálito.

Diagnóstico

Se alguns desses sintomas citados acima se manifestarem, procure ajuda de um especialista para a realização de um exame chamado sialometria. Esse procedimento faz a análise da quantidade de saliva produzida pelo paciente durante um período específico.

Prevenção

A melhor maneira de evitar esse problema é controlar o diabetes diariamente. Ou seja, monitorar os níveis de açúcar no sangue, praticar atividades físicas, manter uma alimentação saudável e tomar os remédios prescritos por seu médico.

Também deve-se evitar fumar, respirar pela boca e ingerir bebidas alcoólicas ou com alto teor de açúcar como os refrigerantes e sucos de caixinha.

Tratamento

Por ser diretamente ligada ao diabetes, a xerostomia pode ser evitada controlando a condição e tomando alguns cuidados básicos. Por isso, carregue sempre com você uma garrafa de água para ser utilizada a qualquer momento. Além disso, outra ação que pode te ajudar é optar por frutas e legumes com grandes quantidades de água como, por exemplo, a melancia e o alface.

Manter a saúde da bucal em dia também é um ponto muito importante para evitar a xerostomia. Escove os dentes sempre após cada refeição e faça o uso do fio dental. Um raspador especial para a língua ainda pode te ajudar a acabar com as bactérias dessa região.

Incorporando esses hábitos a sua rotina, você conseguirá evitar que essa condição se manifeste. Entretanto, fique atento ao menor sinal.

Agora, falando em patologias, confira outras matérias aqui no Clube do Diabetes! Veja:

Aproveite para seguir o @clubedodiabetes no Instagram. E se quiser ver algum assunto por aqui, deixe um comentário!


SIGA O INSTAGRAM @CLUBEDODIABETES