Como cultivar plantas pode ajudar sua saúde

Terapia para relaxar e, ainda, te auxiliar a enfrentar algumas condições

Como cultivar plantas pode ajudar sua saúde Clube do Diabetes

Já passou por sua cabeça que cultivar plantas em casa pode ajudar sua saúde física e até a mental? Isso mesmo! Essa terapia começou a ser aplicada em instituições e unidade médicas na América do Norte e Europa e chegou – finalmente – ao Brasil.

O primeiro lugar a adotar esse tratamento como teste foi o Hospital Infantil Darcy Vargas, em São Paulo. Ao observar a boa aceitação dos pacientes, a UNIFESP (Universidade Federal de São Paulo) reuniu alunos para pesquisar mais sobre o assunto, no início do ano passado.

Para isso, foi montada uma horta comunitária no terraço do prédio do curso de Medicina da faculdade, onde todos têm acesso e podem cuidar das plantas livremente. E veja só que interessante: tudo o que é produzido nesse local, como temperos e legumes, por exemplo, é usado durante as refeições desses próprios alunos.

“A ciência nos mostra que mexer com a terra traz ganhos contra ansiedade, depressão e até doenças como diabetes e hipertensão”, segundo a nutricionista e uma das idealizadoras do projeto, Luciana Yuki Tomita, à revista “Saúde”.

 

Benefícios

Cultivar plantas em casa requer cuidados diários e inseri-los na sua rotina faz com que sejam transformados em terapia. Ou seja,  colocar adubo na terra, podar as folhas secas, regar todos os dias… Hábitos como esse se tornam uma espécie de “refúgio” para os dias mais estressantes.

Além de ajudar a purificar os ambientes, esse processo ainda evita o surgimento de doenças, alivia o estresse, ajuda no tratamento da depressão, exercita o corpo, traz tranquilidade e estimula a memória, por exemplo.

Outro lado positivo é que você pode colocar a “mão na massa” durante qualquer hora do dia, durante seu tempo livre, sem regras. Tudo isso desde que você mantenha os cuidados básicos citados anteriormente.

Mas, se você não sabe por onde começar, nossa dica é investir em cactos ou suculentas. Afinal, são plantas mais simples de cuidar e não morrem com tanta facilidade. Com o tempo você pode investir em outras espécies e observar qual se adapta melhor ao ambiente da sua casa.

Falando em saúde e bem-estar, confira outras matérias relacionadas aqui no Clube do Diabetes! Veja:

Por fim, aproveite para seguir o @clubedodiabetes no Instagram. E se quiser ver algum assunto por aqui, deixe um comentário!


SIGA O INSTAGRAM @CLUBEDODIABETES