Cuidados com a pele dos diabéticos

Confira algumas precauções que você deve tomar para se proteger
Cuidados com a pele dos diabéticos Clube do Diabetes

Em ambos os tipos de diabetes, a falta de insulina no organismo faz com que a glicose não consiga entrar nas células. Como se o açúcar ficasse ‘sobrando’ em nossa corrente sanguínea. Se essa condição não for tratada com extrema cautela, alguns problemas podem começar a aparecer como, por exemplo, os de pele.

Nesse caso, a insulina é muito importante porque auxilia no desenvolvimento dos queratinócitos, as células da pele. Com isso, se o crescimento for prejudicado, a cútis perde algumas características essenciais como elasticidade, espessura, perda de sensibilidade, infecções, entre outras.

Portanto, para te ajudar a se prevenir, separamos uma lista completa de cuidados para você ter com sua pele:

Examine-a diariamente

Procure observar todas as partes do seu corpo, principalmente os pés, sempre pela manhã e também à noite. O mais indicado é buscar por sinais de micose e lesões. Procure um médico se conseguir identificá-los.

Mantenha-se hidratado

Procure ingerir pelo menos 2 litros de água diariamente. É muito importante manter a pele hidratada sempre. Nossa dica é usar produtos hipoalergênicos e dermatologicamente testados, que ajudam a evitar a perda de umidade.

Cuide dos sapatos

Procure utilizar calçados confortáveis, melhor ainda se forem produzidos especialmente para os diabéticos. Antes de colocá-los nos pés, verifique sempre se não há pedrinhas ou objetos cortantes que possam te machucar.

Visite um podólogo

Você sabia que um simples corte nessa região pode acarretar em uma infecção grave? Caso isso aconteça, procure um serviço especializado para cuidar de seus pés. Além disso, vá ao podólogo regularmente para evitar problemas futuros.

Cuidado com procedimentos estéticos

Processos e cirurgias que interfiram na pele do diabético demandam atenção redobrada, pois a cicatrização é mais lenta e pode acarretar em problemas vasculares e comprometer a circulação sanguínea.

Evite banhos muito quentes

Essa atitude pode ressecar sua pele. Caso isso aconteça, opte por sabonetes e cremes hidratantes para ajudar a recuperá-la.

Opte por produtos livres de ureia e álcool

Essas duas substâncias apresentam riscos aos diabéticos, pois aceleram o ressecamento da pele.

Como já é comprovado, diabéticos têm maior propensão a desenvolver problemas de pele. Então, lembre-se de que a pele é um órgão e merece todos os cuidados. Ao menor sinal de lesão, procure rapidamente um dermatologista. Mantenha a hidratação em dia e use filtro solar!


SIGA O INSTAGRAM @CLUBEDODIABETES