Novidade revolucionária a vista…… MINHA OPINIÃO!

Quem leu o artigo publicado na Veja desta semana?

Ontem consegui ler, rapidamente, no meio do furacão que está minha vida e sim, gostei do que li.

Uma nova revolução no tratamento do Diabetes?

Acredito que tenha gente que leu e se decepcionou, principamente porque NÃO SE TRATA DE CURA, para tipo nenhum de diabetes, seja ele tipo 1 ( meu caso) , tipo 2, Lada ou Mody.

Pelo que eu entendi, trata-se de uma novidade no tratamento para a doença, que traria mais conforto aos pacientes, ou talvez até novidades mais revolucionárias. Mas isso nos enche de esperança, não?

Gostei bastante do artigo ( já li coisas um tanto equivocadas em revistas), fico feliz quando leio algo sobre uma possível cura, uma melhora no tratamento, um avanço nos estudos para melhora da qualidade de vida.

Assim como eu, as pessoas que ficaram diabéticas nas décadas de 70 ( eu fiquei em 1979) e 80 ainda dispunham de muito pouca tecnologia para o tratamento, e algumas coisas eram quase inacessíveis para quem não tinha condições. Os diets, como já disse em um post antigo ( https://www.clubedodiabetes.com/2012/08/a-importancia-da-automonitorizacao/) , só vieram no final dos anos 80. Lembro bem do primeiro Diet Dolly que meus pais compraram. Estranho, mas um alívio. Nunca bebi tanto refrigerante na vida!!!!!

O hormônio Betatrofina , de acordo com o artigo, é capaz de promover a proliferação das células BETA, responsáveis pela produção da insulina, que todos sabemos que é o hormonio responsável pelo transporte do açúcar para dentro das células, transformando esse açúcar em energia. A descoberta foi feita em camundongos, onde a Betatrofina aumentou significativamente o número de células secretoras de insulina. Esta descoberta pode revolucionar o tratamento do diabetes em alguns anos, tanto quanto a descoberta da insulina o fez. Ainda serão necessários os testes em humanos ( previstos para daqui 5 anos).

Acredito que seja possível ler a reportagem através do link abaixo. Senão, tem que correr nas bancas enquanto ainda é tempo!

http://veja.abril.com.br/

Como disse acima, tem gente que pode ter ficado decepcionado por não se tratar de cura, principalmente para os do Tipo 1. Digo isso do fundo do meu coraçãozinho diabético ( que está saudável gracás ao bom papai do céu): ao invés de curas milagrosas, chás estranhos, sucos, simpatias e coisas que efetivamente NÃO  vão fazer nosso pancreas voltar a produzir a insulina, que tal DIABÉTICOS, FAMILIARES, PAIS DE DIABÉTICOS nos concentrarmos na qualidade de vida e no bom tratamento – com o que dispomos no momento – com medicamentos orais, insulinas, muito execício físico, alimentação correta, noites bem dormidas e muito otimismo?

Hoje temos SIM  condiçoes de, através de uma vida regrada, viver bem e até melhor do que uma pessoa que não possui nenhum problema cronico. Pode parecer “piegas”, mas muitas vezes ser portador de uma doenço cronica faz voce olhar – e viver – a vida de uma outra forma. Só que essa forma TEM  que ser positiva!

Vamos todos torcer para que essa novidade venha para revolucionar a vida de todos nós. Muita novidade ainda está por vir!

Um ótimo dia a todos!

 

 

 

 


SIGA O INSTAGRAM @CLUBEDODIABETES