Como foi o seu Natal?

Ah, a correria de fim de ano…

Eu bem que tentei desacelerar, mas até pouco antes do dia 24 ainda tive que correr atrás de uma coisa ou outra.

Engraçado que antigamente a folia gastronômica era bem maior para mim, costumava devorar panetone, a ceia era aquele show de carbos e gordura. Hoje não mais. Gosto das carnes e dos molhos, mas troco o arroz pela farofa ( amo!) e na maior parte das vezes não consigo beber mais de uma tacinha de pro- secco….

Com isso, difícil o controle do diabetes se perder.

Engraçado que tive dois picos de alta depois do Natal, mas por lapso meu, por deixar de medir na hora certa ou comer algo e não aplicar a insulina que deveria.

Mas essa época de festas sempre costuma ser um suplício para a grande maioria dos diabéticos, para que. Vive de dieta, precisa perder peso. Além da ceia de Natal e do almoço, festas , confraternizações regadas a bebida, comida e doces … Como fazer?

Para nós, infelizmente, não vale a lei da compensação. Comer de tudo, se ” entupir” , encher a cara e no dia seguinte passar o dia todo na alface e água gelada. O melhor,sempre, é ser ponderado, fazer a contagem dos carboidratos adequadamente, beber sempre acompanhado de algo para comer, corrigir com a insulina se necessário, efetuar trocas inteligentes no prato, e preferir sempre o que for mais saudável. Claro que se você perder o controle, não precisa entrar em pânico. Tente se comportar melhor depois e tente praticar, onde quer que esteja, alguma atividade física. Caminhe, nade, pedale, corra, jogue bola…. Tudo vale.

Mas não se esqueça, nunca de se cuidar. De fazer seu dextro, de ficar atento a todos os sinais que o seu corpo dá.

Logo mais começa o meu preparativo para a viagem de Ano Novo em estrada lotada rumo ao litoral. E que venha 2013!!!!

20121228-112241.jpg


SIGA O INSTAGRAM @CLUBEDODIABETES